terça-feira, 24 de janeiro de 2017

imaculada


no outono passado
os jarros não chegaram
a abrir na memória
a correnteza do silêncio
floresce imaculada
de brancura e do pólen
do teu sorriso.


Helder Magalhães



Marine Loup

Sem comentários:

Publicar um comentário