segunda-feira, 4 de julho de 2016

Posições de leitura

O ilustrador Jean Jullien cativou-me em 2011. Escrevi sobre ele - o pouco que dele sabia - aqui mesmo, no espaço do Clube. De então para cá tenho acompanhado o seu crescimento, a sua evolução. Continuo a aplaudi-lo como no primeiro dia. 

Hoje trago-o à berlinda por causa da exposição que acaba de inaugurar a exposição Flat Out, uma primeira mostra a solo de escultura, em Ghent, na Bélgica. Isto é, uma mostra de algumas das suas ilustrações transpostas para três dimensões, em que os livros têm também (como sempre tiveram) um papel de relevo. Se andarem por aqueles lados, passem por lá até ao final de Agosto. 

Se estiverem por outro lado qualquer, deixo-vos algumas imagens. Há apetites que devem ser despertados. 

Ana Almeida
 



Sem comentários:

Publicar um comentário