terça-feira, 11 de agosto de 2015

É do borogodó: a gaivota de Lisboa

As lágrimas que teus olhos despejaram sobre as minhas lágrimas

fizeram dizer um rio

nascer um pássaro 
gritar um verso


*Penélope Martins no texto e na foto (e não... não é uma gaivota)

Sem comentários:

Publicar um comentário