domingo, 6 de julho de 2014

Vencedoras do passatempo «Os filhos do Éden»

Parabéns S Dias, Bibliotecária e Avó Madalena, são as vencedoras do passatempo «Os filhos do Éden». Cada uma vai receber 1 exemplar do livro!

O que têm que fazer agora? Contactar o blog para sabermos a vossa morada! Procurem-nos no facebook (na página ou no grupoou enviem email para: blogueclubedeleitores@gmail.com

O que se pedia era relativamente simples, responder ao seguinte - Se vivesse num local isolado, quem levava consigo? Porquê?

E estas são as respostas vencedoras, com grande mérito. Parabéns!

S Dias:

Se para um local isolado for, por escolha ou obrigação, quem comigo levaria, sem sombra de duvida, seria a outra metade do meu coração! Pode não ter o engenho de um Macgyver, para de todas as situações nos desenrascar, mas sei que me escuta de alma e coração; eu não sei mil e uma histórias, como Sherazade, mas como eternos apaixonados que somos, Eduardo Freitas, eu e tu, de um qualquer local isolado daremos um cantinho cheio de emoção!

Bibliotecária:

Levaria comigo o bibliotecário da Biblioteca de Alexandria o que seria equivalente a levar um centro de conhecimento.
Não importa o lugar onde se está para falar dos livros e do prazer que eles oferecem. Mas, se o lugar é deserto, bastariam duas pessoas e a conversa seria infinita. O espaço preencher-se-ia de personagens fictícias ou reais e tornar-se-ia pequeno. O tempo ficaria preenchido e seria curto. 
Seria como viver no Olimpo com o deus da sabedoria.

Avó Madalena:

A minha primeira reacção foi pensar em levar o meu filho, mas depois pensei melhor, amo-o demais para o deixar isolado do mundo, sem possibilidade de crescer e aprender de forma saudável. Não quero de modo algum priva-lo da vida, do amor, da convivência, da cultura. Com esta linha de pensamento para com as restes pessoas, não levaria ninguém, porque as pessoas que amo não merecem ser isoladas uma das outras. Inimigos, políticos e afins também não levava, amo-me a mim e á minha sanidade intelectual. Por isso ou ia completamente sozinha ou se deixassem levava toneladas de livros. Teria saudades de quem deixava cá, mas para mim o amor é liberdade e amo demais para os prender a mim, num sitio isolado.

*O vencedor terá que enviar-nos a sua morada. Em caso de não o fizer, o Clube atribuirá o livro a outro(a) finalista. Fique atento!


P.V.P.: 18,90 € 
Data de Edição: 2014
Nº de Páginas: 444
Editora: Editorial Presença

Sem comentários:

Publicar um comentário