segunda-feira, 14 de julho de 2014

Rest in peace, Nadine Gordimer

"A censura nunca acaba para aqueles que já passaram por isso. É uma marca no imaginário que afecta a pessoa que a sofreu, para sempre."

"Temos que viver plenamente a fim de extrair a substância do nosso trabalho, mas temos que trabalhar sozinhos."

"A solidão da escrita é muito assustadora. Está muito perto da loucura, desaparecemos por um dia e perdemos o contacto."

"Toda a tua vida estás, na realidade, a escrever um livro, que é uma tentativa de compreender a consciência do teu tempo e lugar - um único livro escrito a partir de diferentes etapas das tuas capacidades."

"Qual é o propósito da escrita? Para mim, pessoalmente, é realmente para explicar o mistério da vida, e o mistério da vida inclui, claro, os pessoais, os políticos, as forças que nos tornam aquilo que somos enquanto existe outra força dentro de nós a lutar para que sejamos algo diferente."

"Os livros não precisam de pilhas."

Sem comentários:

Publicar um comentário