quinta-feira, 12 de junho de 2014

Eu poético... «Embala»

Embala

embala esta noite o nosso amor
e sopra-lhe ao ouvido palavras doces.
quando sentires um soluço
vai buscar uma manta,
cobre-o
e esfrega-lhe as costas
com a palma das mãos.
depois canta.
canta o canto dos pássaros
num assobio suave
e sussurrado.
só assim ele adormece
na almofada que jaz
junto
à
tua.

Rodrigo Ferrão
Foto: Rodrigo Ferrão

Sem comentários:

Publicar um comentário