sexta-feira, 11 de abril de 2014

O mundo acorda triste, morreu Sue Townsend

É com grande tristeza que acordei com a notícia da morte de Sue Townsend.

A escritora deu vida a Adrian Mole, um dos meus heróis da adolescência. Um diário de aventuras e desventuras de um típico adolescente. Escrito com imenso humor e simplicidade, no período da Sra. Thatcher.


Avança o DN:

A escritora inglesa Sue Townsend, autora dos "Diários" de Adrian Mole, morreu esta noite, com 68 anos.
O primeiro livro da série, O Diário Secreto de Adrian Mole aos 13 anos e 3/4, foi publicado em 1982. Sue Townsend inspirou-se nos seus filhos e na escola que eles frequentavam para escrever este livro. O protagonista era um adolescente com 13 anos e 3/4 que se debatia com os problemas comuns nos rapazes da sua idade - as discussões com os pais, as borbulhas, a escola, a paixão pela sua amiga Pandora, o divórcio dos pais - e ainda com os problemas sociais da Inglaterra dos anos de Thatcher. Os pais pertenciam à classe média, educada e de esquerda, e as questões políticas estão muito presentes. Mas tudo é visto do ponto de vista de Adrian e com muito humor.
Na altura, Sue Townsend já era uma autora publicada mas não podia imaginar todo o sucesso que a série viria a alcançar, não só em Inglaterra, como em quase todos os países da Europa e até no Japão. Iriam ser publicados mais sete volumes dos diários de Adrian Mole, o último dos quais em 2009, com Adrian Mole já adulto, e tratando as questões políticas mais recentes, como a Guerra do Iraque ou o facto de o Partido Trabalhista ter chegado ao poder.
Os primeiros livros deram origem a uma série, realizada pela Thames Television para a ITV em 1985 e que foi exibida em Portugal. O ator Gian Sammarco interpretava Adrian Mole, Julie Walters fazia o papel da mãe e Lindsey Stagg era Pandora.

Veja o genérico da série:
Além da série Adrian Mole, Sue Townsend é autora de outros livros, como A Rainha e Eu e Número Dez, e várias peças de teatro. Os seus livros eram editados pela Penguin.
Sue Townsend nasceu em Leicester a 2 de abril de 1946, tinha quatro filhos e cinco netos. A escritora sofria há vários anos de diabetes e tinha, como consequência dessa doença, perdido a visão em 2001. Townsend morreu em casa vítima de ataque cardíaco.

Sem comentários:

Publicar um comentário