terça-feira, 17 de dezembro de 2013

a-ver-outras-coisas: Livros de cabeceira

Hoje não estou com espírito de "a-ver-livros". Ofereço-vos uma espreitadela para o meu actual livro de cabeceira, que está à espera de uma aberta para começar a ser lido.

"Não escreveu livros, não teve filhos, não plantou árvores - aquelas estúpidas normas do filósofo para que um tipo se sinta realizado. O que há de exaltante na sua existência é seguir a vida dos grandes homens. Mas não é seguir sentado no sofá. Não. É arriscar tudo, ser humilhado até, mas tocar o mistério e sentir que também pode respirar o ar dos eleitos."

in "Sei Onde Mora o Herberto Helder", do alfarrabista Manuel Monteiro


Ana Almeida

Sem comentários:

Publicar um comentário