quinta-feira, 14 de novembro de 2013

a-ver-livros: instante e François Fressinier

Esquece a hera
que desce a parede 
e rasga a caliça
vem tu entranhar raízes
no meu peito
de ardósia
escrever poemas
com a ponta dos dedos
sujos de beijos
roubados no pestanejar
do pardal
e senta-te depois
aqui, sem pressa
a esperar que o sol
tenha sono

* para saber mais sobre o pintor francês François Fressinier
siga o link www.francoisfressinier.com

Sem comentários:

Publicar um comentário