terça-feira, 12 de novembro de 2013

a-ver-livros: circo e Maria Cuevas

Amo-te no desequilíbrio
aéreo do corvo
na figueira
e no malabarismo térreo
do lagarto que se esgueira
por entre as rimas
relvadas sob o sol

Amo-te balançando
entre as nossas janelas
o coração que é
trapézio dos dois

Amo-te na queda
desamparada
sem rede

* para saber mais sobre a pintora argentina Maria Cuevas
siga o link www.mariacuevas.net

Sem comentários:

Publicar um comentário