sexta-feira, 1 de novembro de 2013

A casa de Cesariny

É já amanhã que abre a casa dedicada ao poeta Mário Cesariny.
A Casa da Liberdade, em Alfama, Lisboa. A visitar, com poesia na alma. Quem vai?

 

"A Casa da Liberdade, projeto museológico dedicado ao artista plástico e poeta Mário Cesariny (1923-2006), vai ser inaugurada em Lisboa a 2 de novembro, com uma exposição e o lançamento de uma antologia sobre o surrealismo.

O projeto é da responsabilidade do Coletivo Multimédia Perve, associação cultural sem fins lucrativos fundada em 1997, em parceria com a Perve Global, empresa proprietária das duas Galerias Perve, em Lisboa.
A Casa da Liberdade - Mário Cesariny, em Alfama, instalada num imóvel recuperado, contíguo à Galeria Perve, foi criada com o objetivo de ser um espaço cultural para colher os espólios dos artistas surrealistas portugueses, apresentar exposições, vídeos e performances.
De acordo com a galeria, no espólio encontram-se obras doadas pelos artistas, outras adquiridas pelos galeristas, e documentação que poderá ser consultada pelos investigadores.
'A Estrada Começa' é o título da exposição inaugural, que vai reunir obras inéditas de quatro figuras maiores do movimento surrealista português: Cruzeiro Seixas, Isabel Meyrelles, Carlos Calvet e do próprio Mário Cesariny.
O programa inaugural inclui ainda, entre outras iniciativas, a realização do Congresso 'Surrealismo(s) em Portugal', quando se assinalam os 60 anos da morte de António Maria Lisboa, e uma homenagem ao artista que dá o nome à casa, após sete anos da sua morte."


in Diário de Notícias


Sem comentários:

Publicar um comentário