sábado, 19 de outubro de 2013

O desassossego de Pessoa que regressa pela Tinta-da-China

Talvez o meu destino seja eternamente ser guarda-livros, e a poesia ou a litteratura uma borboleta que, poisando-me na cabeça, me torne tanto mais ridiculo quanto maior fôr a sua propria belleza.



*retirado da página das Edições tinta-da-china - https://www.facebook.com/pages/Edições-tinta-da-china/301684475314

Sem comentários:

Publicar um comentário