sábado, 8 de setembro de 2012

a-ver-livros: a metamorfose perante Duy Huynh

O estômago permanece sereno
mas as pernas desfazem-se em borboletas
quando leio as linhas que escreveste
noutro tempo

a poesia é imortal, amor
mesmo que tu não sejas


* para conhecer mais do trabalho do vietnamita Duy Huynh, que vive nos Estados Unidos, é só seguir o link  www.duyhuynh.com

Sem comentários:

Publicar um comentário